terça-feira, 14 de setembro de 2010

Qual é o remédio doutor?

Chega uma hora na vida da gente que olhamos à nossa volta e estamos numa sinuca de bico. Tá tudo uma inhaca total... É, isso acontece.
Aí nego, das duas uma: ou vc se entrega ou vc reage. E pronto, não exite meio termo.
Porque ou você é quente, ou você é frio, não dá pra ser morninho a vida toda.
Isso pode parecer mais um dos meu clichês, mas não é.

Ok. Vou ser mais clara:
Vida social estacionada. Vida profissional congelada. E meu cupido saiu de férias (há séculos). Vou ficar me lamentando, sofrendo e com aquele mau humor que já faz parte do que eu sou?
NÃO.
Então o que vou fazer? Qual é a cura?
A cura é o inverso. O inverso da dor: a felicidade. Do sofrimento: a superação.

Então, vesti meu melhor sorriso e saí pra rua, me achando a última coca-cola do deserto (Aff!! Fala sério?!). E guardei naquela gaveta (que está emperrada, graças a Deus!) tudo o que me aflige.

E quer saber?

- Amor! Vou ser feliz e já volto. Ou não.



Bjodeixaqueeuteligo!
:)

Um comentário:

O nome dela é Daniela! disse...

É isso ai Jules!! Tem que se achar mesmo, pq vc podee, tem bundão, tem peitao, tem pernao, tem bocaooo!! É linda com essas cabelos encaracoladooooss ao ventoo!
Não guarda na gaveta esses sentimentos, joga no lixoo, ou melhor, no rio, que vai embora e não volta mais! Se guardar na gaveta, vc pode pega-los denovooo amoor!

E vms ferver e vms dar risada e vms nos arrumar e vms arrasar!! rs

O remédio é: um the best!!!! e dps um baladinha com direito a baratão que tenha mais iniciativa, né?? hehe

Ve lá meu post! Vc não vai acreditar qdo ler!!

Bjooo, pode deixar que eu te ligooo benhê! rs

Amo-te